Sem acreditar

DSCF2300.jpg

Dizem que é preciso Acreditar mas aprendi a duvidar com tanto mais intensidade quanto a sensação de que tudo corre bem. Aprendi da pior maneira que existem agendas escondidas, objetivos cruzados guardados em lugares inacessíveis. Há vontades que nunca nos dizem, segredos muito sujos que se esquecem como se a memória fosse seletiva e pudesse apagar o que se fez. E então sou obrigado a recomeçar partindo de algo que só eu sei, de uma força que desconheço e uma fé que não tenho. Apesar do sucesso profissional, da força e da garra aparentes, duvido muito das capacidades com que nasci. Mas faço dessa insegurança a minha força, qual procelária, e vou em direção a um caminho que, solitário, me conduzirá à marca que preciso deixar. Não nasci para estar quieto a estupidificar ou esquecer as lições e os trabalhos de casa. É necessário um efeito qualquer, uma alegria que me traga fora de mim para que me esqueça de duvidar. E ás vezes lá me entusiasmo com o que não devia, quem não devia, como não devia… Não tenho qualquer medo do risco de falhar. Eu falho todos os dias em qualquer coisa, com alguém. Eu sou feito também pelas minhas falhas que compõem a minha face mais humana. É bonita, feia, ou apenas uma face. Mas é minha. Não mudaria muito do que fiz até aos dias de hoje porque sempre tive a melhor das intenções e pensei mais em terceiros que em mim próprio. E só isso já tem de chegar para a minha consciência se tranquilizar. E duvido, duvido mesmo que algum dia o faça de outro modo….E assim estou desacreditado e sem mais crédito para suportar o peso que não é meu. Relaxo, solto e cheio de cansaço, prestes a desistir de muita coisa, mas continuo em frente sem acreditar numa única palavra dos esquecimentos seletivos. E não fosse a escrita e estaria condenado a um isolamento dentro de mim próprio, um total enjoo de pessoas e pensamentos. Preciso dormir, descansar e recomeçar. Sem acreditar. Só fazendo… Tenho de voltar a escrever, preciso dessa terapia, desse escape, da beleza das palavras.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Não categorizado. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s