‘ Descobri o país onde Saramago viu acontecer a cegueira generalizada ‘

Hoje é inevitável falar sobre política. A vitória do PS deixou-me um pouco sem palavras e perplexo. Confesso que tinha, até ao último minuto, uma esperança ainda que vaga de que o Povo, o mesmo povo que vive oprimido e em condições miseráveis, decidisse pensar duas vezes em quem votar. Ao que parece tal não aconteceu e apesar de tanto alarido, tantas classes a protestar e um descontentamento que me parecia generalizado o Sr. Sócrates lá ganhou as eleições. Este descontentamento que falo existe. Ouço sobre ele nas ruas, no comboio, nas pessoas com quem troco impressões… Mas não chegou. E daqui se concluí que algo está muito mal neste país onde o descontentamento não chega para afastar as pessoas agarradas ao poder. Por mim estou nas 7 quintas pois pertenço à classe privilegiada das pessoas ligadas à ciência e supostamente a uma classe média em ascensão. Não vale a pena haver ilusões: esta é a classe que mais ganhou ontem. Por isso resigno-me a aceitar os resultados humildemente mas com toda a confiança vou alertando: não se queixem mais à minha frente porque o país tem os governantes que merece. As pessoas vivem segundo os seus próprios critérios. PS ganhou, venceu mas não convenceu. Serão mais 4 anos? Não acredito que o sejam mas teremos o Sr. Sócrates por mais algum tempo a assombrar a nossa existência. Tem certos dias em que me apetece desistir e não pensar mais nestas coisas. Parece tudo tão óbvio e simples que me recuso a aceitar que há quem não consiga ver. Mas num país de cegos, é conhecido o facto de que quem tem olho é rei. Descobri qual o país onde se passa o Ensaio sobre a cegueira do Saramago e hoje entendo que dificilmente será o mesmo país onde mais tarde inevitavelmente se passou o Ensaio sobre a Lucidez…

Bj
 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Não categorizado. ligação permanente.

Uma resposta a ‘ Descobri o país onde Saramago viu acontecer a cegueira generalizada ‘

  1. Antero diz:

    Muito bem… Observador atento da realidade portuguesa…Esquece, no entanto, um pormenor importante, pois cerca de 15 % dos eleitores são subsidio-dependentes…logo inclinam o tabuleiro eleitoral para quem lhes garante a "vidinha" sem fazer o mínimo possível, e nisso o PS é exímio.Mas gosto do que escreve…continue! Parabéns!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s