Arquivos Mensais: Abril 2008

‘ Trocando passos com a solidão, momentos meus dos quais não abro mão ‘

Por estes dias tenho andado cheio de trabalho (para não variar). O mau tempo chegou e com ele uma ténue saudade de um passado cada vez mais ‘passado’. hj tou com uma intoxicação brutal. Como não tinha há imenso tempo. … Continuar a ler

Publicado em Não categorizado | Publicar um comentário

‘ A boca sabe a sal… a alma uma imensa maresia ‘

tenho ido á praia por estes dias… uns meros 30 minutos e a minha alma enche-se de maresia, o meu beijo torna-se numa imensa salina e eu transformo-me numa imensidão de água. Em água me desfaço e dela me refaço nestes dias. … Continuar a ler

Publicado em Não categorizado | Publicar um comentário