um dia banal…

boas…
 
 Bem, hoje o dia voltou a passar sem que eu percebesse que o dia chegara ao fim.
 Enfim.. teclei um cadito com os meus amigos ( o que também faz parte né?..) e ainda fiz uns Meios para o meu trabalho.
 Mais importante que isso é o avanço que tenho dado no estudo da Teoria. Isso sim, é realmente importante.
 Hoje ao chegar á estação da minha terra, enquanto esperava pela boleia do meu cunhado, presenciei uma cena inacreditável de gritos, histeria e ameaças de morte… duas mulheres a discutir e a ofender-se mutuamente de um modo muito grosseiro.
  Acho que é a vida.. também faz parte né?
  Quando chegou a GNR e teve de escoltar uma delas tive um ‘flash’ e o passado voltou à minha lembrança… Há uns 6 anos também tive de ser escoltado pela polícia… uma situação horrorosa… mas enfim.. tudo se ultrapassa e a vida continua.
  Tou um pouco carente hoje apesar de a casa estar cheia de gente… Todos temos dias assim, penso eu.
  Amanhã sei que vou ter uma visita e vou passar um dia fantástico de compras e diversão. Nem a chuva me vai fazer parar.
  Não sei se vou ter tempo de escrever qualquer coisa antes do fim de semana por isso aproveito para desejar a todos um fantástico fim de semana e, já que não podem ter a minha companhia, tenham pelo menos uma igualmente brilhante (eh eh)
  Termino com uma sugestão…
   Hoje finalmente ouvi o novo Cd da Jewel: Alice in Wonderland. Eu até gosto da moça.. mas este CD deperta em mim um comentário: ‘Deus me guarde’. De qualquer maneira, no fim aguarda-nos uma verdadeira preciosidade. Uma música simplesmente fantástica ‘ 1000 miles away ‘.
  Adorei a música. Foi paixão ao primeiro ouvido. A música transmite muito daquilo que penso e hoje, o meu estado de espírito é um bocado nessa onda. vou deixar aqui publicado o poema… para quem quiser ler um pouco…
Abraço e até breve
 
 
                                              Fuinho
 
 
Its morning time, wonder where you are
Wonder who youre talking to
Wonder if the sun has risen where you are
Its morning time, I miss your hands on my skin
This beds too big without you
Oh god, what do I do?
Im a thousand miles away, and Im lying next to you.

The sun shines golden, and I feel like my car
A little run down, a little beat up, maybe just a little green
Maybe its my battery, maybe its my starter,
Maybe my hearts too weak
Theres just this feeling, thought I had to get going
Got too scary, got too big, got to get out of here
But now I dont know how to get home.
Oh god, what do I do?
Im a thousand miles away, and lying next to you.

Mama says take my vitamins,
Daddy says girl, dont stay out so late
Sister says theres other fishes in the sea
But love is not a rational thing, and my heart is beyond advice
No, love is not a rational thing
Oh god, what do I do?
Im a thousand miles away, and lying next to you.

These fields stretch out like patchwork, on my grannys quilt
She used to tell me that
Life is a series of strange and mysterious things
One minute you think youre up, the next you find youre down
Your mind says girl, you gotta stick around
But your heart says Im too weak in the knees
Oh god, what do I do?
Im a thousand miles away, and lying next to you.

 
 
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Não categorizado. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s